Excesso de vitaminas pode ser prejudicial para mulheres acima de 50, diz estudo

FotoUm estudo realizado por pesquisadores da Finlândia com mulheres nas faixas etárias de 50 e 60 anos sugere que o consumo de suplementos alimentares com vitaminas, entre outros, pode aumentar o risco de mortalidade.

Segundo a pesquisa, suplementos de vitaminas, ácido fólico, vitamina B6, magnésio, zinco, cobre e ferro parecem estar ligados ao risco de aumento na mortalidade.
Os cientistas da Universidade do Leste da Finlândia afirmam que o estudo contou com 38 mil mulheres americanas, todas geralmente sem problemas de nutrição e nas faixas etárias de 50 e 60 anos.
As participantes relataram quais as vitaminas e minerais tomaram nas duas décadas anteriores.
Os pesquisadores finlandeses afirmam que outros fatores envolvidos podem ter influenciado sua descoberta, como o estado geral de saúde das participantes da pesquisa.
Mas, os cientistas afirmam que suas descobertas sugerem que estes suplementos devem ser usados apenas se houver um motivo médico.
"Com base nas provas existentes, vemos pouca justificativa para o uso generalizado de suplementos de dieta", disse Jaako Mursu, da Universidade do Leste da Finlândia.
O estudo foi publicado na revista especializada Archives of Internal Medicine.
Mais vitaminas, risco maior
No estudo, os cientistas descobriram que os comprimidos de suplementos de ferro teriam uma ligação forte com um pequeno aumento do risco de morte (2,4%), assim como muitos outros suplementos.
A ligação no caso do ferro dependia da dose ingerida, o que significa que quanto maior fosse a dose ingerida, maior era o risco.
"Nós acreditamos que o paradigma do 'quanto mais, melhor' está errado", afirmaram Christian Gluud e Goran Bjelakovic, integrantes da organização Cochrane Collaboration que analisa pesquisas e tratamentos de saúde.
Segundo os médicos, a utilidade que as pessoas dão aos suplementos alimentares mudou da prevenção de deficiências para a promoção do bem-estar e prevenção de doenças.
"Acreditamos que para todos os nutrientes existem riscos associados com o consumo insuficiente e também com o consumo excessivo", alertaram.
Helen Bond, da Associação Britânica de Dieta, afirmou que, em alguns casos específicos como entre as pessoas com mais de 65 anos, alguns suplementos são necessários. Mas, em geral, as pessoas deveriam conseguir todas as vitaminas e minerais necessários a partir de uma dieta equilibrada e saudável.
Para ela, algumas pessoas tomam suplementos como se estes suplementos não fizessem mal à saúde.
"Mas, o excesso pode ser tóxico e é fácil tomar mais do que a dose diária recomendada", afirmou.

Fonte: www.bbc.co.uk/portuguese


Rua Pinto Ribeiro, 205 - Centro - Barra Mansa, CEP 27310-420
Tel / Fax: (24) 3323-3021 | 3323-2941 | 3323-8879
contato@clicinavaleimagem.com

A Vale Imagem | Especialidade | Unidade da Mama | Clientes | Eventos | Convênios e Parceiros | Notícias e Artigos | Fale Conosco

2010 clinicavaleimagem.com - Todos os direitos reservados. Política de privacidade.